Ocorrência de ovos de helmintos em hortaliças comercializadas na cidade de Apucarana (PR)

Angélica Albuquerque Tomilhero Frias, Joseane Balan da Silva, Heloísa de Camargo Tozato

Resumo


As doenças veiculadas por hortaliças representam um importante problema de saúde pública, pois estima-se que milhões de pessoas de todo o mundo estejam acometidas por parasitoses. O presente estudo teve por objetivo quantificar e identificar o índice de contaminação por ovos de helmintos em hortaliças do tipo agrião e almeirão comercializadas em quatro grandes supermercados da cidade de Apucarana (PR). Foram analisadas 128 amostras de hortaliças sendo 64 de almeirão e 64 de agrião. As hortaliças foram desfolhadas, pesadas e lavadas em solução lauril sulfato triptose a 1%. Observou-se um índice elevado de contaminação nas duas variedades estudadas, com maior prevalência no almeirão. Foram encontrados ovos de Ancylostoma sp., Ascaris sp., Diphilobotrium sp., Dipylidium sp., Hymenolepis sp., Taenia sp. e Enterobius sp. Considerando esses resultados, salienta-se a necessidade urgente de fiscalização e regulamentação oficial por parte das autoridades locais competentes, a fim de melhorar a qualidade higiênico-sanitária das hortaliças ofertadas à população e minimizar os índices de parasitoses em adultos e crianças (as mais afetadas).

Palavras-chave


Enteroparasitas; Agrião; Almeirão.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2012v33n1p35

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367