Ontem favela, hoje bairro: atuação de enfermeiros na comunidade

Maria Isabel Pedreira de Freitas-Ceribelli, Maria Regina Gastaldi, Margareth de Paula, Silmara de Freitas

Resumo


O objetivo do presente trabalho foi tomar possível a enfermeiros e estudantes de enfermagem ver, face a face, a realidade de vida das pessoas que serão assistidas por eles, através de ações concretas e dinâmicas que contribuíram para embasar a formação desses profissionais. Um distrito extremamente pobre foi escolhido para essa experiência. Os autores discutem, primeiramente, como os pobres tomaram-se miseráveis, mencionando exemplos de concentração de rendas por alguns países e discutem porque países desenvolvidos atingiram essa situação aceitando empréstimos internacionais. Os autores também descrevem as atividades desenvolvidas peio grupo como a sensibilização da população para ações conjuntas, a coleta de dados das necessidades das famílias e conseqüentemente a organização de uma Associação mantenedora de uma creche para crianças de Za5 anos, chamada Creche Boa Esperança. Ao fazer isso, os autores enfatizam a maneira de fazer as coisas com as pessoas e não para as pessoas, compartilhando resultados e discutindo resultados.



Palavras-chave


Enfermagem; Comunidade; Conscientização; Favela.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1993v14n2p112

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367