Observação In vitro de Eurytrema coelomaticum em meios de cultivos

Milton Hissashi Yamamura, Aline Artioli Machado Ymamaura, Michael Robin Honer

Resumo


Para a manutenção de Eurytrema coelomaticum em condições experimentais foram testados os meios de cultura Gay ABC, 199 e soro de animais. O critério para observar a sobrevida deste trematóide foi a motilidade através do auxílio de um microscópio estereoscópio. O melhor maio foi o soro ovino, sendo possível observar a sobrevivência por mais de 1200 horas o um dos fatores para o prolongamento de tempo de sobrevivência foi o controle de microorganismos. Também foram registrados os dados de ovipostura média diária, que foi de 641 ovos, tendo como média as primeiras 24 horas (473) ovos e às 24 toras seguintes (673) ovos, A média diária de ovipostura foi considerada baixa a bastante irregular.



Palavras-chave


Eurytrema coelomaticum; Cultivo "In vitro"; Ovipostura "In vitro"

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1992v13n2p58

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367