Administração rural: o planejamento da empresa agropecuária

Oswaldo Calzavara

Resumo


Administrar uma propriedade rural ê formular programas, coordenar sua execução, avaliar resultados e propor mudanças. É combinar os recursos objetivando o aumento de produtividade com diminuição de custos. Uma série de variáveis endógenas interfere no processo produtivo rural. Assim, administrar é manejar essas variáveis consideradas num contexto dinâmico e de risco. A administração dessas variáveis requer um instrumental sistematizado e simples, de fácil utilização pelo produtor rural, que possibilite a identificação de pontos de estrangulamento no funcionamento do sistema e apresente propostas alternativas. O instrumental proposto já foi testado em cerca de trinta propriedades da região, passando por diversos aperfeiçoamentos. Consiste fundamentalmente nas seguintes etapas: 1a. etapa: levantamento do capital agropecuário; apurar o capital empatado em terras, benfeitorias, instalações, maquinários, animais e o capital circulante; 2a. etapa: levantamento dos recursos administrativos; 3a. etapa: levantamento do processo produtivo atual: levantar o uso atual do solo, manejo do solo, tecnologias utilizadas na produção vegetal e animal; 4a. etapa: levantamento da situação econômica atual; apuração das receitas e custos do período, índices econômicos e financeiros; 5a. etapa: análise dos resultados; 6a. etapa: definição da problemática; 7°. etapa: sistema produtivo proposto; 8a. etapa: estudo de mercado; 9a. etapa: engenharia de projeto; 10°. etapa: previsão orçamentária: estimativas de receita, despesas e fluxo de caixa; 11a. etapa: avaliação do sistema proposto; resultados econômicos, fator risco e análise comparativa entre sistemas; e 12a. etapa: conclusões e recomendações.



Palavras-chave


Administração Rural; Organização de Fazendas; Planejamento Agropecuário.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1985v6n1p17

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367