Estudos de sensibilidade de bactérias isoladas em 1981 em materiais obtidos de pacientes atendidos no Hospital Universitário Regional do Norte do Paraná

Álvaro Jabur, Alair Alfredo Berbert, Vera Lúcia Cristina Mostaço, Regina Mariuza Borsato Quesada, José Luis da Silveira Baldy

Resumo


Análise de dados referentes ao padrão de sensibilidade a diversos antimicrobianos de todos os microrganismos isolados em culturas feitas pelo setor de Microbiologia Clinica do Laboratório Clinico do Hospital Universitário Regional do Norte do Paraná, no ano de 1981, provenientes tanto de infecções comunitárias quanto hospitalares encontradas em pacientes ambulatoriais e hospitalizados. Os resultados mostram um elevado padrão de sensibilidade das bactérias Gram negativas à amicanica, mostrando-se este um antimicrobiano que deve a todo custo ser reservado para tratamento de infecções hospitalares ou infecções sistêmicas muito graves; elevado padrão de sensibilidade das cefalosporinas e rifampicinas às cepas isoladas de Staphylococcus aureus, superior ao encontrado para oxacilina, e elevado índice de resistência às ampicilinas entre quase todos os microrganismos isolados.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1982v3n12p309

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367