Avaliação de habilidades de prontidão mediante o inventário de capacidades primarias de valett e nível de desempenho em leitura

Vani Ruiz Viessi, Maria Aparecida Trevisan Zamberlan

Resumo


O objetivo deste estudo foi verificar as possíveis relações entre três variáveis-critério de realização em leitura: Inventário de Capacidades Primárias de Valett, atribuição de notas pelos professores e desempenho dos sujeitos numa tarefa de ditado de palavras. Os sujeitos foram doze crianças, matriculadas na primeira série do I Grau, de escolas públicas de Londrina, com idade de 7 anos e 8 meses, procedentes de classe média urbana, sendo a metade alfabetizada pelo método misto (fanico) e a outra metade pelo método visual. O material empregado consistiu do Inventário de Capacidades Primárias de Valett, boetim de ntoas dos alunos e cartões contendo as palavras do ditado. Os resultados indicaram que houve diferença estatisticamente significante com referência ao desempenho no Inventário de Capacidades Primárias de Valett x Ditado de Palavras, em favor do grupo instruído pelo método visual (Mann Whitney U Test). No teste estatístico de correlação por postos (Spearman) entre as três variáveis-critério apenas uma correlação estatisticamente significante foi encontrada para Valett x Ditado de palavras (Critério II) favorecendo o grupo treinado pelo método visual.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1980v2n6p67

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367