Comparações entre três critérios de adoção de papéis sexuais no brinquedo

Maria Aparecida Trevisan Zamberlan

Resumo


 

Tendo em vista a importância ão controle cultural sobre o atributo sexo no desenvolvimento infantil, realizou-se este trabalho que teve por objetivo geral caracterizar alguns critérios de adoção de papéis sexuais no brinquedo. Como objetivo adicional foi discutida a validade de cada critério e a inter-relação entre os mesmos. Constituiram-se amostras específicas para cada critério. No Critério I, foram sujeitos 75 crianças, sendo 50 de la. e 2a. séris e 15 adultos com formação universitária completa. Todas as crianças freqüentavam escolas públicas e toda a amostra pertencia à classe média. O material utilizado consistiu de 25 slides de brinquedos, projetados para a atribuição de rótulos sexuados e assexuados. Os resultados apontaram pequenas diferenças nas atribuições conferidas aos brinquedos pelos grupos de crianças de la. e 2a. e de 4a. a 5a. séries. Nas comparações das crianças e adultos houve mais diferenças estaticamente sigficantes do que nas comparações de crianças entre si No Critério II, serviram como sujeitos 60 crianças, 50% de cada sexo, com idades de 9 a 10 anos. O procedimento consistiu em assinalar os jogos, brinquedos e atividades comumente adotados por crianças, dentre uma lista de 50 itens Os resultados mostraram proporções bem diferenciadas e significantes para 50% dos 24 itens de escolhas comuns, sendo que dos itens restantes alguns foram apontados exclusivamente por meninas, e outros, exclusivamente por meninos. No Critério III, foram sujeitos 100 crianças, sendo 40 de 4a. série e 60 de 3a. séria, 50% de cada sexo. Os procedimentos consistiram em fazer atribuições ou a fazer escolhas de itens relativos a brinquedos, listados em 10 pares. Os resultados apontaram poucas diferenças nas atribuições conferidas aos brinquedos por meninos e meninas, entretanto, havendo diferenças significantes para todos os itens escolhidos.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.1980v2n5p11

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367