Perfil nutricional e dietético de indivíduos com hepatite C

Clisia Mara Carreira, Paulo Câmara Marques Pereira

Resumo


O presente estudo avaliou a ingestão dietética e o estado nutricional de indivíduos com hepatite C com e sem tratamento antiviral. Os indivíduos participantes foram distribuídos em três grupos amostrais: Grupo Controle (G1) com 26 indivíduos saudáveis, Grupo 2 (G2) com 30 indivíduos com hepatite C sem tratamento antiviral, e Grupo 3 (G3) com 26 indivíduos com hepatite C em tratamento antiviral. Os indicadores antropométricos mostraram que a média de peso e porcentagem de gordura corpórea do G1 e G2 e o índice de massa corpórea do G2 e G3 estavam aumentados. Os valores séricos de AST e ALT estiveram aumentados no G2 e G3 não sendo essa diferença significativa, considerando p <0,05. A ingestão média energética (Kcal/dia) e de proteína (g/kg/d) estava adequada. O consumo médio de carboidrato foi acima do recomendado e a porcentagem média de lipídeo foi adequado, mas o G2 consumiu mais lipídeo e fibras que o G3 sendo estatisticamente diferentes; entretanto a quantidade de fibras ingerida foi abaixo do recomendado nos três grupos. Conclui-se que o estado nutricional dos indivíduos com hepatite C é de sobrepeso. Uma vez tendo elevado percentual de gordura corpórea, esse diagnóstico pode ser fator de risco importante para doenças cardiovasculares e outras complicações associadas, além de afetar diretamente a qualidade de vida desses indivíduos.

Palavras-chave


Estado nutricional; Hepatite C; Antropometria; Dieta.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2011v32n2p143

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367