Dificuldades e facilidades vividas pelos docentes no processo de implantação do currículo integrado no curso de Enfermagem da Universidade Estadual De Londrina

Christine Baccarat de Godoy, Nadia Aparecida de Souza

Resumo


O estudo teve como objetivo determinar as perspectivas e dificuldades dos docentes do Departamento de Enfermagem do Centro de Ciências da Saúde, da Universidade Estadual de Londrina, na construção e implantação do Módulo I, do Currículo Integrado de Enfermagem. A pesquisa se constituiu em um Estudo de Caso e os dados foram obtidos através de questionário aplicado a 13 (treze) docentes que construíram e implementaram o Módulo I, no ano de 2000. A análise dos dados possibilitou determinar os fatores facilitadores e dificultadores na implementação do processo, bem como, levantar a percepção dos docentes sobre o processo de mudança curricular. Dentre os fatores facilitadores, destacaram-se o empenho do Colegiado de Curso, o apoio da direção do CCS, o trabalho coletivo em torno de um mesmo ideal, a união, dedicação, compromisso e cooperação entre os professores e o desejo de inovar e criar frente à responsabilidade de formar um profissional consciente, crítico, criativo e reflexivo. Em contrapartida, a carência de tempo devido às atividades docentes e administrativas, a escassez de recursos materiais e humanos e a precariedade da estrutura física, foram mencionados como fatores dificultadores. A avaliação dos docentes também apontou a importância da formação pedagógica continuada. O estudo, ao fornecerem indicadores de mudança, contribuem para a melhoria da qualidade do ensino na consecução do novo currículo de Enfermagem da Universidade Estadual de Londrina.

 

 


Palavras-chave


Enfermagem; Currículo integrado; Educação em enfermagem; Mudança curricular na enfermagem; Transformação curricular.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2001v22n1p33

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367