Freqüência das alterações dos níveis séricos de imunoglobulinas dos pacientes atendidos no Hospital Universitário, Londrina, Paraná

Ana Paula Kallaur, Gabriela Amaral Buqui, Guilherme Cristiani Sabino, Rosiane Batista Mastellari, Helena Kaminami Morimoto, Ingridt Hildegard Vogler, Edna Maria Vissoci Reiche

Resumo


 

As imunoglobulinas constituem um grupo de glicoproteínas presentes no soro e nos líquidos orgânico se são produzidas pelos linfócitos B ativados que se diferenciam em plasmócitos. São divididas em cinco classes ou isotipos: IgG, IgA, IgM, IgD e IgE. O objetivo deste trabalho foi determinar a freqüência das alterações dos níveis séricos das imunoglobulinas nos pacientes atendidos pelo Hospital Universitário (HU), Londrina, PR, no período de agosto de 2001 a fevereiro de 2006, avaliados pelo método de nefelometria. Foram analisadas 773 amostras de soro de pacientes, 410 (53,0%) do sexo feminino e 363 (47,0%) do sexo masculino, com idade variando de um mês a 86 anos. Das 1719 dosagens de imunoglobulinas séricas realizadas, os níveis de IgA sérica foram avaliados em 568 amostras e foram observadas alterações em 88 (15,5%) das amostras. Das 495 dosagens de IgG, 107 (21,6%) estavam com os níveis séricos alterados. A dosagem de IgM sérica foi realizada em 465 amostras e 142 (30,5%) estavam com os níveis séricos alterados. Os níveis de IgE sérica foram avaliados em 191 amostras e 129 (67,5%) amostras apresentaram níveis aumentados. Os dados obtidos confirmam a ocorrência de diferentes alterações nos níveis séricos das imunoglobulinas e a importância destas dosagens laboratoriais no diagnóstico de doenças infecciosas, parasitárias, alérgicas, auto-imunes e das imunodeficiências humorais congênitas ou adquiridas.


Palavras-chave


Imunoglobulinas; Mieloma múltiplo; Imunodeficiências; Imunidade humoral

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2007v28n1p23

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367