Simultaneidade de comportamentos negativos relacionados à saúde em portadores de diabetes

Maira Sayuri Sakay Bortoletto, Mathias Roberto Loch, Selma Maffei de Andrade, Maria do Carmo Lourenço Haddad, Alberto Durán González

Resumo


O presente estudo buscou identificar a prevalência isolada e simultânea de comportamentos negativos relacionados à saúde entre indivíduos com diabetes, segundo sexo e classe econômica. Trata-se de estudo transversal, no qual foram entrevistados 337 indivíduos com diabetes em duas unidades básicas de saúde de Londrina, PR. Consideraram-se comportamentos negativos relacionados à saúde o consumo abusivo de álcool, tabagismo, inatividade física no lazer e não realização de dieta. Entre os entrevistados, a inatividade física esteve presente em 69,1%, o consumo abusivo de álcool em 21,1%, a não realização da dieta em 30,6% e o tabagismo em 10,7%. Diferenças dos comportamentos entre os sexos foram observadas no comportamento inatividade (p=0,008), maior entre as mulheres, e no tabagismo (p<0,001) e no consumo abusivo de álcool (p<0,001), maior entre os homens. Diferenças entre as classes econômicas e os comportamentos não foram observadas. A simultaneidade de comportamentos relacionados à saúde teve o predomínio da ocorrência da soma de dois comportamentos negativos, e o acúmulo de comportamentos negativos foi mais prevalente entre os homens. Verificou-se uma elevada prevalência isolada ou simultânea dos quatro comportamentos negativos relacionados à saúde entre os diabéticos. 


Palavras-chave


Diabetes Mellitus; tabagismo; dieta para diabéticos; abuso de álcool; atividade motora

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2014v35n1p87

Direitos autorais 2016 Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semina: Ciênc. Biol. Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367