Desenvolvimento de um método para determinação de ácidos graxos em meios biológicos utilizando a espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier

Dimas Augusto Morozin Zaia, Leonardo de Oliveira Guarnieri, Karina Nicole Sobota, Henrique de Santana, Cássia Thaïs Bussamra Vieira Zaia

Resumo


No presente trabalho foi desenvolvida uma metodologia para a determinação de ácidos graxos em meios biológicos utilizando a espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier. Este método não precisa de reagente cromóforo ou pré-preparo da amostra. O ácido palmítico foi escolhido como padrão, pois é o ácido graxo encontrado em diversos meios biológicos. O espectro infravermelho do ácido palmítico mostrou duas bandas de absorção na região de 2852 e 2920 cm-1 devido ao estiramento CH. Os resultados mostraram que estas bandas seguem a lei de Beer-Lambert numa ampla faixa de concentração de ácido palmítico (14 a 257 mmol L-1). Como padrão interno foi utilizado o ferricianeto de potássio (K3[Fe(CN)6]). Diversos interferentes foram testados e somente o colesterol, o cloreto férrico (maior concentração), a mistura de aminoácidos para a banda em 2919 cm-1 (maior concentração) e o triacilglicerol mostraram-se interferentes ao método quando em concentração elevada. A nova metodologia, portanto, é vantajosa por ser de baixo custo e de fácil realização.


Palavras-chave


ácido graxo; ácido palmítico; meios biológicos; espectroscopia no infravermelho

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2011v32n1p79

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semin., Ciênc. Exatas Tecnol.

Londrina - PR

E-ISSN: 16790375

DOI: 10.5433/1679-0375

E-mail: seminaexatas@uel.br

 

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional