Contínuos Generalizados: de Voigt à Modelagem de Materiais Parcialmente Frágeis.

Jamile Salim Fuina, Roque Luiz da Silva Pitangueira, Samuel Silva Penna

Resumo


Este artigo discute a utilização das teorias de contínuos generalizados para incorporar os efeitos da microestrutura na análise não linear, via Método dos Elementos Finitos, de materiais parcialmente frágeis e, assim, sanar problemas de dependência de malha. Inicia-se com uma descrição do problema denominado localização de deformações numericamente induzida, frequentemente encontrado em análises numéricas fisicamente não lineares via Método dos Elementos Finitos. A seguir, apresenta-se um breve histórico sobre os modelos baseados na Mecânica do Contínuo Generalizado, desde o trabalho inicial de Voigt (1887) até estudos mais recentes. Analisando esses modelos, observa-se que o contínuo de Cosserat e o contínuo com microexpansão são casos particulares de uma formulação geral que descreve o contínuo micromórfico. Após relatar tentativas de incorporação dos efeitos da microestrutura do material em modelos baseados na Mecânica do Contínuo Clássico, o artigo mostra a recente tendência de fazê-la segundo as premissas da Mecânica do Contínuo Generalizado. Por fim, apresentam-se resultados numéricos que permitem caracterizar esta tendência como um promissor caminho para solucionar o problema.


Palavras-chave


Contínuos Generalizados; Meios Parcialmente Frágeis; Localização de Deformações Numericamente Induzida; Método dos Elementos Finitos;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2010v31n2p119

Semin., Ciênc. Exatas Tecnol.

Londrina - PR

E-ISSN: 16790375

DOI: 10.5433/1679-0375

 

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional