Determinação de metais, umidade, cinzas e pH do tabaco de cigarros consumidos no Brasil

Cleber Pinto da Silva, Carmen Lucia Voigt, Thiago E. de Almeida, Rosimara Zittel, Tatiana R. de Oliveira Stremel, Cinthia E. Domingues, Sandro Xavier de Campos

Resumo


Neste trabalho foi realizado a determinação por espectrometria de absorção atômica de chama dos metais Cu, Mn, Zn, Fe, Pb, Cr, Co, Cd e caracterizações através de técnicas gravimétricas (umidade e teor de cinzas) e eletroquímica (pH) nas duas marcas de cigarros mais consumidas legalmente no Brasil. Os resultados de recuperação dos analitos foram entre 91,5 a 111,4 % com desvio padrão relativo entre 1,24 a 4,53 %. Os testes realizados nas marcas dos cigarros mostraram média do teor umidade 13,0%, cinzas 14,1% e pH 5,0. A ordem de maior concentração dos metais foi Fe > Mn > Zn > Cu > Pb > Co > Cr > Cd, os resultados apontam, que as marcas de cigarros analisadas possuem concentrações de Cd superior a quarenta e quatro vezes o encontrado em cigarros legalizados nos Estados Unidos, vinte vezes mais Pb que o encontrado em cigarros na Polônia.

Palavras-chave


Metais; Tabaco; Características

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2016v37n2p23

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semin., Ciênc. Exatas Tecnol.

Londrina - PR

E-ISSN: 16790375

DOI: 10.5433/1679-0375

E-mail: seminaexatas@uel.br

 

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional