Campo Magnético em Super-Redes Semicondutoras de Cristais

Luciano Nascimento, Lourdes Cristina Lucena Agostinho Jamshidi, Celmy Maria B. de Menezes Barbosa

Resumo


 

Neste trabalho apresentamos um estudo sobre as super-redes semicondutoras, utilizando o modelo de Kronig-Penney para a aproximação de massa efetiva e em seguida os cálculos para a aplicação de campo magnético perpendicular e paralelamente às camadas da super-rede em cristais. O campo magnético, aplicado paralelo às camadas, foi utilizado para ajustar a ressonância de uma subbanda de energia mais alta de um poço por excitação térmica com uma subbanda de menor energia do poço adjacente, aumentando os níveis de energia na sua taxa de tunelamento. Utilizamos o formalismo da Equação de Schrödinger da Mecânica Quântica. Apresentando os cálculos numa forma sistemática em super-redes semicondutoras para cada poço quântico para avaliar o seu espectro de energia estudado sistematicamente.

 


Palavras-chave


Modelo de Kronig-Penney; Super-Redes Semicondutoras; Campo Magnético.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2015v36n1p81

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semin., Ciênc. Exatas Tecnol.

Londrina - PR

E-ISSN: 16790375

DOI: 10.5433/1679-0375

E-mail: seminaexatas@uel.br

 

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional