Sensor de pasta de nanotubos de carbono modificado com filme de bismuto para determinação de íons metálicos em etanol combustível

Felipe Augusto Gorla, Fernanda Midori de Oliveira, Eduardo H. Duarte, Ana E. P. de Mattos, Elisângela Tavares da Silva, Olívio F. Galão, Dionísio Borsato, Mariana G. Segatelli, Cesar Ricardo Teixeira Tarley

Resumo


 

No presente trabalho é descrito um método voltamétrico por redissolução anódica utilizando um eletrodo de pasta de nanotubos de carbono modificado com filme de bismuto para determinação simultânea dos metais Zn2+, Cd2+e Pb2+em amostras de etanol combustível. Os íons metálicos foram pré-concentrados no filme de bismuto no tempo e potencial de deposição de 500 s e -1,2V, e a etapa de redissolução realizada por voltametria de onda quadrada (freqüência 15 Hz, amplitude de pulso 25 mV e incremento de potencial de 5 mV). Como eletrólito suporte foi utilizado tampão acetato 0,1 mol L-1em pH 4,5. O método apresentou linearidade incluindo o branco analítico até 48,39 ?g L-1 para os metais e os limites de detecção obtidos foram 3,36, 0,32 e 0,47?g L-1para Zn2+, Cd2+e Pb2+, respectivamente. O método proposto foi aplicado em amostras de etanol combustível.


Palavras-chave


Voltametria de redissolução; nanotubo de carbono; combustível

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2015v36n1p41

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Semin., Ciênc. Exatas Tecnol.

Londrina - PR

E-ISSN: 16790375

DOI: 10.5433/1679-0375

E-mail: seminaexatas@uel.br

 

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional