Proposta para avaliação quantitativa para aquisição de equipamentos médicos

Marcela Cristina Chaves Penco, Ernesto Fernando Ferreyra Ramírez

Resumo


Este artigo apresenta uma proposta para estimar o número ideal de equipamentos médicos a ser comprado por uma instituição de saúde. O número de equipamentos necessários (“n”) no setor avaliado, pode ser calculado a partir de uma equação, na qual são considerados os seguintes parâmetros: número de leitos ou usuários (“nb”); número de equipamentos existentes (“m”); proporção recomendada de equipamentos por paciente (“rr” número sugerido pelo Ministério da Saúde); importância do equipamento no cuidado do paciente (“v” pode ser suporte à vida, melhora no atendimento ao paciente ou desejável); e a condição física dos equipamentos existentes (“c” dados obtidos a partir dos relatórios de manutenção). Estes dados foram obtidos a partir de relatórios de manutenção preventiva dos equipamentos do Hospital Universitário da Universidade Estadual de Londrina (HURNP/UEL). Foram considerados dois estudos de caso: no primeiro caso, o método foi aplicado a bombas infusoras em dois diferentes setores do hospital (UTI e enfermarias). No segundo estudo de caso foram comparadas as quantidades ideais de diferentes equipamentos (oxímetro de pulso, oxicapnógrafo e monitor multiparamétrico) que possuam a mesma função (oximetria), em um único setor (centro cirúrgico). Apesar de sugerirem a necessidade de alguns aperfeiçoamentos na metodologia, os estudos de caso mostraram que a mesma é de fácil aplicação e pode fornecer uma idéia inicial das necessidades clínicas dos equipamentos médicos dos diversos setores de um hospital. Em alguns, casos outros fatores devem ser analisados como o setor onde o equipamento está e a possibilidade de existirem outros equipamentos com a mesma função. Além disso, este artigo mostra a necessidade de um método de priorização entre setores no hospital, fator importante na avaliação dos locais que realmente necessitam de reposição de equipamentos.

Palavras-chave


Engenharia clínica; Processo de aquisição de equipamentos médicos; Avaliação quantitativa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0375.2004v25n1p107

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Semina: Ciências Exatas e Tecnológicas/

Semina: Exact and Technological Sciences
Londrina - PR
ISSN Impresso/Print ISSN: 16765451

ISSN Eletrônico/EISSN: 16790375