Resistência bacteriana em gram positivos de interesse em saúde animal e pública

Ricardo Antonio Pilegi Sfaciotte, Lincoln Garcia Coronel, Sílvia Cristina Osaki, Sheila Rezler Wosiacki

Abstract


Dentre os micro-organismos gram positivos multirresistentes destacam-se, principalmente os Staphylococcus spp. meticilina resistente (MRS), patógenos considerados oportunistas e relacionados tanto a infecções hospitalares como infecções comunitárias, tendo inúmeros relatos na medicina e um grande aumento de relatos na medicina veterinária, em diversas espécies de animais. MRS são intrinsicamente resistentes a todas as drogas beta-lactâmicas. Os Staphylococcus aureus com resistência intermediária e os resistentes à vancomicina (VISA/VRSA) ainda não foram reportados em animais, porém são necessários estudos mais aprofundados. Os Staphylococcus spp. também estão relacionados com resistência aos antimicrobianos do grupo dos Macrolídeos, Lincosamidas e Streptogramineas B (MLSb), que apesar de serem de classes diferentes, possuem o mesmo mecanismo de ação. Na medicina veterinária, a clindamicina (antimicrobiano da classe da Lincosamida) é amplamente utilizada para tratamentos de infecções de pele, feridas, infecções ósseas, pneumonia, infecção da cavidade oral e infecções causadas por bactérias anaeróbicas, além de ser utilizada em infecções causadas por MRS. Outro gênero de micro-organismos gram positivos resistente é o Enterococcus, sendo os Enterococcus vancomicina resistente (VRE) os de maior importância. Após vários relatos de VRE na medicina veterinária, devido ao grande uso de um antimicrobiano análogo (avoparcina) na produção animal, esse grupo de micro-organismo passou a ter grande destaque, uma vez que a vancomicina é considerada o último recurso para o tratamento de MRS e de Enterococcus associados a infecções hospitalares em humanos, as quais já foram também isoladas cepas resistentes. O maior problema destes microorganismos e seus mecanismos de resistência na medicina veterinária está relacionado ao seu impacto na saúde publica, devido ao contato cada vez mais próximo entre animais e o homem. Com isso, o objetivo dessa revisão foi apontar os principais micro-organismos gram positivos encontrados na medicina veterinária descrevendo seus mecanismos de ação que levam a resistência aos antimicrobianos, assim como o impacto na saúde publica através do seu potencial zoonótico e também antropozoonótico.


Keywords


MRS; VISA; VRSA; VRE; MLSb.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n4p2693

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional