Comportamento ingestivo de novilhas em pastagem de capim papua recebendo suplementos em diferentes níveis

Maria José de Oliveira Sichonany, Marta Gomes da Rocha, Luciana Pötter, Ana Paula Binato Beltrão de Oliveira, Laila Arruda Ribeiro, Mônique Foggiato da Silva, Anelise Pereira Hundertmarck, Paulo Roberto Salvador

Abstract


Foi estudado o comportamento ingestivo, os padrões de deslocamento e a dinâmica de refeições de novilhas de corte em pastagem de papuã (Urochloa plantaginea (Link.) Hitch) recebendo diferentes quantidades de grão de aveia: 0; 0,80 e 1,12% do peso corporal (PC). O método de pastejo foi continuo com número variável de animais. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado com medidas repetidas no tempo. O tempo de pastejo diminuiu e o de outras atividades aumentou quando novilhas de corte foram suplementadas, independente da quantidade, mantendo semelhante o tempo de ruminação. O número de estações alimentares por minuto e número de passos realizados entre cada estação alimentar foram semelhantes quando as novilhas receberam ou não suplemento. Ao receber 1,12% do PC de grão de aveia as novilhas permaneceram mais tempo em cada estação alimentar e realizaram menor número de passos por minuto. O número de refeições alimentares foi reduzido e aumentou a duração do intervalo entre refeições quando as novilhas receberam grão de aveia. A duração de cada refeição foi similar para novilhas que receberam suplemento ou exclusivamente em pastejo.


Keywords


Avena sativa; Pastejo contínuo; Tempo por estação alimentar; Urochloa plantaginea (Link.) Hitch.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n4p2763

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433 / 1679-0359
E-mail:  semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença  Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional