Inquérito soroepidemiológico sobre Neospora caninum em rebanhos leiteiros de Parauapebas, Estado do Pará

Clovis Laurindo Silva, José Arimatéa Freitas, João Luis Garcia, Cláudio Vieira Araújo, Dauton Luiz Zulpo, Ivo Alexandre leme Cunha

Abstract


Neospora caninum é um protozoário coccídio de difusão mundial que causa prejuízos econômicos no criatório. Para levantar a frequência de anticorpos anti-N. caninum em rebanhos leiteiros no município de Parauapebas, Região Sudeste do Estado do Pará, 465 amostras de soros procedentes de 45 propriedades foram submetidas à reação de imunofluorescência indireta (ponto de corte 1:100). Foi determinada a frequência de 13,33% de anticorpos anti-N. caninum com a seguinte distribuição de títulos: 27(43,55 %) no título 100; 14 (22,58 %) no 200; 16 (25,80%) no 400 e 5 (8,07 %) no 800, nenhum soro com título >800 e pelo menos um animal positivo na maioria das propriedades. A maior frequência ocorreu entre as fêmeas, sem diferença significativa na frequência entre os sexos (Teste exato de Fisher=0,59, P=0,99); animais de dois anos apresentaram a maior frequência, embora seu número fosse menor que os de idade >5 anos, sem diferença significativa na frequência entre faixas etárias ((?2=2,1, p=0,71); não foi observada diferença significativa entre frequência e ocorrência de aborto (?2=2,3, p=0,13) e frequência e presença de cães nas propriedades (?2=0,26, p=0,60). Ações de vigilância sanitária são recomendadas para prevenir a entrada de novas fontes de N. caninum e controlar sua difusão nos rebanhos.


Keywords


Neosporose; Neospora caninum; Bovinos leiteiros; Amazônia Brasileira; RIFI.



DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n1p231

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional