Efeito da Infecção pelo vírus da leucose bovina na produção de rebanhos leiteiros mestiços e puros no Brasil

Daniela Souza Rajão, Marcos Bryan Heinemann, Jenner Karlisson Pimenta Reis, Gissandra Farias Braz, João Paulo Amaral Haddad, Antonio Candido Cerqueira Leite Ribeiro, Romulo Cerqueira Leite

Abstract


O objetivo desse estudo foi avaliar os efeitos da infecção pelo vírus da leucose bovina (VLB) na produção de vacas leiteiras no Brasil. Foram analisadas 158 amostras de sangue de vacas adultas em lactação puras da raça Holandesa e mestiças Holandês X Zebu. As amostras foram testadas pela Imunodifusão em Gel de Ágar (IDGA) e pelo leucograma. De acordo com os resultados da IDGA e do leucograma, os animais estudados foram agrupados em três categorias: soronegativos, soropositivos sem linfocitose persistente e soropositivos com linfocitose persistente. Os dados de produção leiteira foram comparados entre os grupos, de acordo com a raça. Vacas infectadas com o VLB apresentaram produção de leite inferior que de vacas não infectadas, tanto puras como mestiças. Não houve diferença na produção de leite de vacas positivas com e sem linfocitose persistente. Esses resultados indicam a associação da infecção pelo VLB com a queda na produção de leite, e esse é o primeiro estudo a mostrar tais efeitos em vacas mestiças Holandês X Zebu.


Keywords


Vírus da leucose bovina; Produção de leite; Pura; Mestiça; Vaca.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2014v35n2p891

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional