Ação da lactoferrina na multiplicação de Lactobacillus casei in vitro e em queijo Minas frescal

Osney Massami Inay, Alisson Santana da Silva, Edson Renato Honjoya, Hélio Hiroshi Sugimoto, Cínthia Hoch Batista de Souza, Elsa Helena Walter de Santana, Marcela de Rezende Costa, Lina Casale Aragon-Alegro

Abstract


O presente estudo avaliou a atividade da lactoferrina sobre a multiplicação de Lactobacillus casei probiótico in vitro e no queijo Minas frescal. As curvas de crescimento de L. casei em caldo BHI contendo lactoferrina nas concentrações de 1 mg/mL and 2 mg/mL foram construídas. Adicionalmente, os queijos Minas frescal contendo somente L. casei (controle) e L. casei e a lactoferrina (2 mg/g e 4 mg/g) foram produzidos e armazenados a 5°C durante 28 dias. Foram realizadas as análises de pH, acidez livre titulável e enumeração de L. casei e microrganismos psicrotróficos no dia 1 (dia da produção) e após 7, 14, 21 e 28 dias de armazenamento. Além disso, no dia 1, foram realizadas as análises de composição centesimal. Os experimentos foram realizados em triplicata e os dados obtidos foram analisados utilizando-se ANOVA e teste de Tukey a 5% de significância. Nos ensaios in vitro a multiplicação de L. casei foi estimulada pela presença da lactoferrina na concentração de 2 mg/mL. Entretanto, esta atividade não foi observada no queijo, mesmo quando a concentração de 4 mg/g de lactoferrina foi utilizada. A população de microrganismos psicrotróficos presentes nos queijos adicionados de lactoferrina não diferiram das populações observadas para os queijos controle (P>0,05), demostrando que não houve atividade antimicrobiana nos produtos. Estudos futuros devem ser conduzidos para avaliar os efeitos antimicrobianos da lactoferrina em alimentos, pois são muitas as variáveis que afetam a atividade desta proteína quando comparados aos resultados obtidos in vitro.


Keywords


Atividade antimicrobiana; Atividade biológica; Queijo; Probióticos; Produtos lácteos.



DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2012v33n6Supl2p3153

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional