Infecção por Helicobacter spp. em cães não está associada com alterações na proliferação epitelial ou na expressão de E-caderina na mucosa gástrica

Luciana Sayuri Takemura, Romulo Lot, Pedro Luiz Camargo, Elisangela Silva, Amauri Alcindo Alfieri, Ana Paula Frederico Rodrigues Loureiro Bracarense

Abstract


Infecção por Helicobacter pylori provoca gastrite e pode induzir adenocarcinoma gástrico e linfoma tipo MALT em seres humanos. O objetivo deste estudo foi determinar se existe associação entre infecção por Helicobacter spp. na mucosa gástrica de cães e lesões histológicas, incluindo proliferação epitelial e adesão celular. Foram avaliadas biópsias de 12 cães com distúrbios gástricos e de 25 cães saudáveis. A coloração de Warthin-Starry (WS) e o método de PCR foram utilizados para confirmar a presença de helicobactérias. As espécies de Helicobacter foram determinadas por PCR com primers espécie-específicos para H. heilmannii, H. bizzozeronii ou H. salomonis, H. felis e H. pylori. As lesões da mucosa foram avaliadas por hematoxilina e eosina (HE) e a proliferação epitelial foi determinada pelos métodos AgNOR e PCNA. A adesão celular foi avaliada por meio da expressão de E-caderina nas células epiteliais. Helicobacter spp. foi confirmado em 75,7% (28/37) e 73,0% (27/37) das amostras por WS e PCR, respectivamente. H. bizzozeronii foi a espécie mais frequentemente detectada (37%); e coinfecção foi observada em seis (22%) cães. As alterações histológicas na lâmina própria foram gastrite crônica discreta, fibrose, degeneração glandular e presença de agregados linfóides. Houve associação significativa entre a infecção por H. heilmannii e a presença de folículos linfóides (p <0,046). Neste estudo, nenhuma alteração significativa foi verificada na proliferação epitelial ou na expressão de E-caderina na mucosa gástrica de cães infectados com Helicobacter spp.


Keywords


Cão; Lesão gástrica; Helicobacter spp.; Proliferação epitelial; Adesão celular.



DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2012v33n6Supl2p3211

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional