Inoculação e quantificação de Campylobacter a partir de conteúdo cecal de frangos de corte comparando duas metodologias de contagem

Anderlise Borsoi, Camila Cristina Gonsalves, Edson Ricardo Marcondes Pires, Laura Beatriz Rodrigues, Luciana Ruschel dos Santos, Vladimir Pinheiro do Nascimento

Abstract


Campilobacteriose é uma zoonose, uma doença transmitida para humanos por animais ou produtos de origem animal. As fontes primárias de infecções por Campylobacter em humanos se acredita ser o manuseamento e / ou o consumo de carne contaminada, carne de frangos especialmente. Embora em humanos tais infecções são geralmente auto-limitantes, as complicações podem surgir e podem incluir bacteremia, síndrome de Guillain-Barré, artrite reativa e aborto. Para o presente estudo, 32 aves foram divididos em 2 grupos identificados como grupos controle (C) com 16 aves e grupo inoculado (I) com 16 aves. O grupo I foi inoculado por via oral com 108 UFC / mL de Campylobacter jejuni ATCC 33291, enquanto o grupo C foi inoculado com solução salina. Quatro aves por grupo foram eutanaziados por deslocamento cervical nos dias 0, 7, 14 e 21 após a inoculação (pi) e as amostras de conteudo cecal foram coletadas para análises microbiológicas. As amostras foram processadas por duas metodologias de contagem em placa, uma desenvolvido pela USDA (método B) e outra, por diluição seriada com plaqueamento direto (método A). Todas as aves do grupo C permaneceram negativas até ao dia 21, e para o grupo I, as células recuperadas a partir de conteúdo cecal foram estatisticamente superior com o método B, quando comparados ao método A nos 7, 14 e 21 dias pi. A contagem microbiologica direta em placas é um método masi barato e rápido para determinar o nível de contaminação de frangos, servindo de auxilio nos programas de avaliação de risco a nível da indústria.


Keywords


Campylobacter; Contagem direta em placa; Frangos; Conteúdo cecal.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2015v36n1p285

Semina: Ciênc. Agrár.
Londrina - PR
E-ISSN 1679-0359
DOI: 10.5433/1679-0359
E-mail: semina.agrarias@uel.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional