O Uso da Energia Eólica no Brasil: aspectos econômico, social, ambiental e legal

Claudia Terezinha Kniess, Emerson Antonio Maccari, Carlos Lopes Somoza, José Ricardo de Moraes Pinto

Resumo


É consenso entre os especialistas que a produção de energia de fonte fóssil entrará em declínio nas próximas décadas até sua terminação definitiva. Os países já estão se antecipando para encontrar novas fontes de energia renováveis que levem em conta novos critérios, como a sustentabilidade. Entre essas fontes, aparece com grande importância a geração de energia elétrica baseada na força dos ventos ou eólica. Nesse contexto, o presente trabalho tem por objetivo verificar as oportunidades e restrições ao uso da energia eólica no Brasil. Para tanto, utilizou-se uma pesquisa qualitativa, baseada em entrevistas em profundidade com indivíduos que ocupam posição relevante nos grupos de interesse (agentes) envolvidos na exploração da energia eólica no Brasil. Os resultados indicam que há oportunidades em relação às dimensões sociais, econômicas e ambientais, porém há restrições nas dimensões legais, principalmente pela insegurança jurídica; dificuldade da obtenção das licenças ambientais; falta de um marco legal estável de longo prazo e burocracia extensa.


Palavras-chave


Energia eólica; Sustentabilidade econômica socioambiental e legal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2318-9223.2013v1n1p2

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


AS SUBMISSÕES PARA ESTE PERIÓDICO ESTÃO TEMPORARIAMENTE SUSPENSAS. DETALHES NA NOTA DO EDITOR: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/ros/index

ISSN: 2318-9223


QUALIS-CAPES: B5 - ADMINISTRAÇÃO, CONTÁBEIS E TURISMO

Indicadores e diretórios: