Testes de extubação em recém-nascidos pré-termo submetidos à ventilação mecânica: revisão de literatura narrativa

Kelly Helorany Alves Costa, Caroline Rodrigues Lobato, André Gustavo Moura Guimarães

Resumo


Introdução: Cerca de 20 milhões de crianças nascem prematuras em todo o mundo, anualmente, o que implica, geralmente, necessidade de suporte ventilatório, em sua maioria, para garantir a homeostase das trocas gasosas e função pulmonar adequada. A ventilação mecânica invasiva (VMI) é um suporte ventilatório à vida, que visa otimizar as trocas gasosas e o estado clínico do recém-nascido (RN), destacando-se os pré-termos, devido à imaturidade pulmonar. Entretanto, tal suporte pode gerar riscos à saúde, sendo importante o planejamento do desmame precoce. Essa retirada deve ser feita de forma segura para evitar complicações. Uma das formas de garantir a extubação bem-sucedida do RN é a realização dos testes de extubação, que devem ser realizados, quando o paciente se encontra apto ao desmame da VMI. Objetivo: Verificar quais testes e/ou índices de extubação em RN são mais utilizados no desmame da VMI. Métodos: Trata-se de um estudo de revisão de literatura do tipo narrativa sobre os testes e índices utilizados na extubação de RN. Foram selecionados artigos, entre os anos de 2000 e 2015, que continham os seguintes descritores: prematuro, neonatal, extubação, desmame, premature, neonate, extubation, weaning, neonato, extubación e destete. Resultados: Foram encontrados oito artigos relacionados ao presente estudo, no qual verificou-se que o Teste de Respiração Espontânea (TRE) mais utilizado e eficaz foi a Pressão Positiva Contínua nas Vias Aéreas (CPAP) endotraqueal. Outros testes e índices encontrados foram: Teste do CPAP com fluxo, Teste do Volume Minuto (VM), Frequência Respiratória (FR), Volume Corrente (VC), Relação FR/VC, VM, VM Expiratório Espontâneo, Pressão Inspiratória Máxima (PImáx.), complacência pulmonar dinâmica e resistência pulmonar total. Conclusão: O CPAP endotraqueal foi o método mais utilizado pelos estudos como TRE e apresentou resultados significativos como preditor de sucesso na extubação em RN pré-termo.


Palavras-chave


Recém-Nascido Prematuro; Unidade de Terapia Intensiva Neonatal; Extubação; Desmame; Ventilação Mecânica.

Texto completo:

PDF


ASSOBRAFIR Ciência

Email: assobrafirciencia@uel.br

EISSN: 2177-9333