Fashion Revolution Day Porto Alegre: cenário e motivações de mudanças

Daniela Neumann, Andréa Moreira, Marina Giongo, Evelise A. Rüthschilling, Jocelise Jacques

Resumo


O desenvolvimento sustentável é um grande desafio para a moda, que vem sendo cada vez mais observado e debatido no campo. Diante disso, este artigo tem como objetivo, apresentar e discutir os dados coletados a partir de depoimentos de participantes do Fashion Revolution Day Porto Alegre 2017, para verificar a repercussão do discurso do movimento nos participantes do evento. Para realização da pesquisa foram estabelecidos oito parâmetros que nortearam a análise de conteúdo. Por meio deste estudo, buscou-se compreender o entendimento do público participante a respeito do evento e suas expectativas. Espera-se que a análise contribua para entender a influência do movimento junto ao público presente e auxilie no planejamento dos próximos eventos e novas ações que atinjam um maior número de pessoas, abrangendo um público ainda distante da visão do movimento. O estudo intenciona, ainda, promover uma indústria de moda que valorize em um mesmo patamar as pessoas, o meio-ambiente, a criatividade e o lucro.

Palavras-chave


Fashion Revolution; Indústria da moda; Moda ética

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2236-2207.2018v9n2Suplp269

Direitos autorais 2018 Projetica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

 

Projética

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2236-2207

projetica@uel.br

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional