Design Gráfico e Fonoaudiologia: uma proposta de articulação interuniversitária e transdisciplinar voltada para ações de design gráfico inclusivo

Cassia Leticia Carrara Domiciano, Fernanda Henriques

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar a parceria interuniversitária e transdisciplinar realizada entre o Design Gráfico e a Fonoaudiologia para a produção de metodologias inovadoras de pesquisa e de projeto no desenvolvimento de materiais gráficos inclusivos, que levem em consideração os distúrbios da comunicação. É notória a crescente discussão sobre a função do design como facilitador das informações e sua importância junto ao desenvolvimento de projetos que sejam acessíveis a um público cada vez maior e mais diversificado. Nesse sentido, o Grupo de Pesquisa “Design Gráfico Inclusivo: Visão, Audição e Linguagem” vem realizando um amplo diálogo sobre inclusão entre as Ciências da Saúde, especificamente a Fonoaudiologia, e as áreas correlatas ao Design Gráfico, como o Design Informacional, o Design Instrucional e a Ergonomia Cognitiva, e seus possíveis aportes nos distúrbios na área da linguagem, como a baixa capacidade visual, auditiva e a dislexia. Os ambientes de pesquisa polarizam-se entre a Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a Universidade de São Paulo (USP), onde centros, laboratórios e grupos de pesquisa se articulam em torno de propostas comuns. Além da fundamentação teórica, estão sendo desenvolvidos um conjunto de ações específicas, entre elas a investigação em torno das tipografias adequadas à leitura de disléxicos, desenvolvimento de material instrucional impresso para deficientes auditivos e material instrucional digital para profissionais que atuam na intervenção de distúrbios da comunicação. Tais ações envolvem diferentes modalidades de investigação – iniciação científica, mestrado, doutorado e docência – e também o desenvolvimento efetivo de produtos de design gráfico voltados à inclusão.



Palavras-chave


Design gráfico Inclusivo, Ergonomia Cognitiva, Distúrbios da comunicação e aprendizagem, Dislexia

Texto completo:

PDF PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2236-2207.2015v6n2p09

Direitos autorais 2016 Projetica



 

Projética

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2236-2207

projetica@uel.br

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional