A inconsistência teórica e empírica da hipótese central do rent seeking

Vinícius Eduardo Ferrari

Resumo


O termo rent seeking diz respeito ao processo competitivo de apropriação das rendas artificiais criadas a partir da intervenção estatal na economia. Subjacente a esta teoria reside o pressuposto da total dissipação das rendas, ou seja, a visão de que a intervenção estatal na economia geraria rendas artificiais e que a perseguição destas transferências econômicas, pelos agentes privados, promoveria o desperdício de recursos produtivos num montante semelhante ao valor original das rendas engendradas a partir da ação pública. O presente artigo procura demonstrar que este cenário de dissipação total das rendas representa um caso particular e não uma propriedade geral imanente à ação estatal. Conclui-se que a teoria de rent seeking é incapaz de produzir resultados analíticos gerais e bem demonstrados. Assim, constata-se a fragilidade das prescrições políticas embasadas nesta construção teórica.


Palavras-chave


Rent-seeking; Transferências; Desperdício; Liberalismo econômico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2011v16n1p323

Direitos autorais

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

ISSN: 1414-0543

EISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br


Creative Commons License

 

Todos os artigos científicos publicados em mediacoes@uel.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons