A "embolada" em Macunaíma

Raimunda B. Batista

Resumo


Os intelectuais do modernismo brasileiro tiveram como preocupação a redefinição da cultura brasileira tomando como ponto de partida a cultura popular e o folclore brasileiros. Em Macunaíma, Mário de Andrade aproveita os mais variados elementos da cultura popular, dando-lhes uma configuração erudita. Entre esses elementos destacamos o aproveitamento da embolada que, enquanto modo de cantar, possui uma forte estrutura poética, podendo ser aproveitada na prosa de ficção, conservando o seu ritmo e forma.


Palavras-chave


Cultura brasileira; Cultura popular; Literatura; Literatura oral; Modernismo brasileiro.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.1997v2n2p57

Direitos autorais

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

ISSN: 1414-0543

EISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br