Sociologia da cultura e indústria cultural

Rodne de Oliveira Lima

Resumo


Este artigo analisa a constituição da Indústria Cultural como objeto de investigação sociológica, relacionando sistematicamente a dinâmica cultural da sociedade de classes ao surgimento das ideologias e à formação da opinião pública na era da sociedade de massas. Conclui expondo duas dentre as principais interpretações clássicas sobre a indústria cultural, e relacionando-as ao estatuto teórico da sociologia.


Palavras-chave


Indústria cultural; Sociedade de classes; Sociologia.

Texto completo:

PDF

Referências


COELHO, Teixeira. O que é Indústria Cultural. 16.ed. São Paulo, Brasiliense, 1994. (coleção Primeiros Passos).

DUHRAN, Eunice. A dinâmica cultural da sociedade moderna. In: Ensaios de Opinião, volume 4. Rio de Janeiro, Inubia, 1977. pp.32-35.

MANNHEIM, Karl. Sociologia da Cultura. São Paulo, Perspectiva/EDUSP,1974.

MORIN, Edgar. Cultura de Massas no Século xx. 2.ed. Rio de Janeiro, Companhia Editora Forense, 1969.

WRIGHTMILLS, C. AElitedoPoder. 2.ed. Rio de Janeiro, Zahar, 1968.

HABERMAS, JÜrgen. Habermas : Sociologia. São Paulo, Ática, 1980. (coleção Grandes Cientistas Sociais).




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.1997v2n2p17

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International