Lazer: o direito à preguiça ressurgente

Carlos Alberto Braile

Resumo


O estudo do lazer, neste artigo, visa investigar conceitualmente este fenômeno social em plena evidência que, cada vez mais, se torna objeto de uso e de costume. Além disso, em razão das mudanças que o lazer vem sofrendo, especialmente nestes últimos anos, muitos estudos o colocam como ponto culminante de transição rumo ao novo milênio. Do ponto de vista econômico o lazer é o segmento que mais cresce no mundo e, devido à sua complexidade e por suas potencialidades, está propiciando uma das maiores transformações sociais já vividas ao longo da história.


Palavras-chave


Trabalho; Lazer; Revolução industrial.

Texto completo:

PDF

Referências


CAMARGO. Luiz O. de Lima. O que é Inzer? 2.ed. São Paulo: Brasiliense. 1977.

DEMASI. Domenico. Em busca do ócio. Veja. São Paulo. Edição comemorativa dos 25 anos de Aniversário. p.40-49 . se t.1993.

DUMAZEDIER. Joffre. A Revolução Cultural do Tempo Livre. São Paulo: Estlídio Nobel. Sesc. 1994. Sociologia Empírica do Lazer. São Paulo: Perspectiva. 1974. Lazer e Cultura Popular. São Paulo: Perspec tiva . 1976.

FORJAZ. Maria Cecília Spina. Lazer e consumo cultural das elites. Revista Brasileira de Ciências Sociais. v.3 . n.6. p.101, fev., 1998.

LAFARGUE, Paul. O Direito à Preguiça. Lisboa: Editorial Teorema. 1977.

KURZ, Robert. A ditadura do tempo abstrato sobre a crise comparativa de trabalho e lazer. In: CONGRESSO MUNDIAL DE LAZER. 5., São Paulo. 1998. Programa ... São Paulo,1998. p.46

PARKER. Stanley. A Sociologia do Lazer. Rio de Janeiro: Zahar. 1978.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2001v6n2p117

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International