A elite política brasileira e a construção da legitimidade democrática

Luzia Helena Herrmann de Oliveira

Resumo


A democracia vem se consolidando no Brasil? Uma resposta afirmativa a esta questão pressupõe, primeiramente, a aceitação quase consensual dos valores básicos da democracia e o fim de toda e qualquer reserva de domínio para determinados segmentos da sociedade ou organismos do Estado. Em países de passado autoritário, como o Brasil e a ampla maioria dos países ibero-americanos, pressupõe, também, a superação de uma forma patrimonialista de fazer política e a incorporação de procedimentos democráticos mínimos, bem como de novas formas de controle sobre o Estado - nas diversas formas de accountability. E os fatores macrossociais, eles interferem no processo de democratização? O objetivo da pesquisa é compreender a opinião dos parlamentares do Congresso Nacional a respeito desses problemas, observando se ocorreram mudanças na percepção desse segmento da elite política a respeito da democratização no Brasil.


Palavras-chave


Democracia no Brasil; Consolidação democrática; Legitimidade democrática.

Texto completo:

PDF

Referências


BOBBIO, Norberto. Elite, teoria das. In : BOBBIO, N. el. aI. Dicionário de Política. 2.ed. Brasília: UnB, 1988.

CÂMARA DOS DEPUTADOS. Bancada dos partidos. Disponível em: . Acesso em: abro 2002.

DAHL, Robert. Poliarquia. São Paulo: Edusp, 1997.

IDESP. As Elites Brasileiras e a Modernização do Setor Público. Relatório de Pesquisa. São Paulo,1990.

IDESP. O Congresso Nacional e a Crise Brasileira. Relatório de Pesquisa. São Paulo: 1991.

LAMOUNIER, Bolivar; SOUZA, Amaury. As Elites Brasileiras e o Desenvolvimento Nacional: Fatores de Consenso e Dissenso. Relatório de Pesquisa. São Paulo: IDESP, 2002.

LIMA. Maria Regina Soares de; CHEIBUB, Zairo Borges. Instituições e Valores: as dimensões da democracia na visão da elite brasileira. Revista Brasileira de Ciências Sociais, n.3 1, n.II, p.83-110, jun. 1996.

LINZ, Juan e STEPAN, Alfred . A Transição e Consolidação da Democracia. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

MESSENBERGi, Débora. A Elite Parlamentar Pôs-Constituinte: atores e práticas. São Paulo: Braisliense, 2002.

O' DONNELL, Guillermo. Delegative Democracy. In : DIAMOND, L.; PLATTNER, M. F. (Eds.). The Global Resurgence or Democracy. 2.ed. Notre Dame: University of Notre Dame, 1996.

OLIVEIRA, Luzia Helena Herrmann de. Rumos da Democratização Brasileira: a consolidação de um modelo majoritário de democracia? Revista de Sociologia e Política, n.15, p.II-30, novo 2000.

_____. Produção Legislativa no Brasil - a relação entre partidos e governo. Revista dos Tribunais, ano 91, v,803, p.43-58, seI. 2002a.

____ Processo Democrático e Visões da Democracia no Brasil. Revista de Ciências Humanas. n.31, abr. 2002b, no prelo.

SARTORI, Giovanni . A Teoria da Democraticia Revisitada: o debate contemporâneo. São Paulo: ática, 1994, v.1.

SHARE, D.; MAINWARING, S. Transição pela Transação: democratização no Brasil e Espanha. Dados, v.29, n.2 , p.207-236, 1986.

SCHILLING, Flávia. Corrupção. Ilegalidade Intolerável? Comissões Parlamentares de Inquérito e a Luta Contra a Corrupção no Brasil (1980¬ 1992). Tese (Doutorado) - Universidade de São Paulo, Departamento de Sociologia da FFCL, São Paulo, 1997.

SENADO FEDERAL Relação de Senadores da 51" Legislatura. Disponivel em: . Acesso em: 22 abro 2002.

SOUZA, Amaury; LAMOUNIER, Bolívar. A Feitura da Nova Constituição: um reexame da cultura política brasileira. In: LAMOUNIER, B. (ORG.). De Geisel a Collor: o balanço da transição. São Paulo: Sumaré, 1990.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2002v7n2p135

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International