Processos e percepções de cura a partir do levantamento da produção acadêmica brasileira sobre religião e saúde

João Valença, Alexandre Brasil Fonseca

Resumo


O mapeamento e a análise do campo de estudos que contempla os temas religião e saúde podem contribuir para as discussões relacionadas às práticas e ações em saúde. Foram coletadas fontes biográficas e bibliográficas no Currículo Lattes dos pesquisadores do CNPq que abordam ambos os temas. Destacam-se, nesse trabalho, produções que abarcam diferentes áreas, proporcionando uma interessante transversalidade. Nesse sentido, as ações relacionadas à saúde pública, como também as práticas de educação em saúde, devem considerar a questão da interdisciplinaridade, especialmente em relação às contribuições que a antropologia e outras ciências sociais oferecem na percepção do papel da religião e do religioso nos processos e nas percepções de cura.


Palavras-chave


Processo saúde-doença; Cura religiosa; Literatura de revisão

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Paulo César; MINAYO, Maria Cecília (Org.). Saúde e doença: um olhar antropológico. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1994.

AMARAL, Rita.Xirê! O modo de crer e de viver no candomblé. Rio de Janeiro: Palias, 2002.

AUGRAS, Monique. O Ser da Compreensão: fenomenologia da situação de psicodiagnóstico. Petrópolis: Vozes, 1986.

AUGRAS, Monique. Espiritualidade e mitos: dizer do outro. MAGIS - Cadernos de Fé e Cultura. Rio de Janeiro, n. 47, p. 20-25, 2005.

BARROS, José Flávi. O Pessoa de; TEIXEIRA, Maria Lina Leão. O Código do Corpo: inscrições e marcas dos orixás. In: MOURA, Carlos E. M. (Org). Candomblé: Religião de Corpo e Alma: tipos psicológicos nas religiões afro-brasileiras. Rio de Janeiro: Palias, 2000. p. 103-138.

BERGER, Peter L. O Dossel Sagrado: elementos para uma teoria sociológica da religião. São Paulo: Paulinas, 1985.

BOURDIEU, Pierre. A gênese dos conceitos de habitus e de campo. In: ___ O poder simbólico. Lisboa: Difel, 1989. p. 59-7.

RUCE,Steve. Religion in the modern world: from cathedrals to cults. Oxford: OUp, 1996.

CERQUElRA- SANTOS, Elder; KOLLER, Silvia Helena; PEREIRA, Maria Teresa L. N. Religião, saúde ecura: um estudo entre neo-pentecostais. Psicologia Ciência e Profissão,Brasília, v. 3, n. 24,p. 82-91, 2004.

MAGNANI, José Guilherme. Doença mental e cura na Umbanda. Teoria ePesquisa, São Carlos, n. 40/41, p. 5-23, jan./jul., 2002.

MARTINS,P. H. Religiosidade dos terapeutas alternativos: um sincretismo gracioso. Comunidade Virtual de Antropologia, p. 1-20, 2001.

MAUÉS, Raymundo Heraldo. Um aspecto da diversidade cultural do caboclo amazônico: a religião". In: VIEIRA, Célia Guimarães et aI. COrg.). Diversidade biológica da Amazônia. Belém. Museu Paraense Emílio Goeldi, 2001. p. 253-272.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. Representação de Cura no Catolicismo Populat: In: ALVES, Paulo César; MINAYO, Maria Cecília COrg.). Saúde eDoença: um olhar antropológico. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1994. p. 57-71.

MONTERO, Paula. Da Doença à desordem: a magia na umbanda. Rio de Janeiro: Graal, 1985. NEVES, Delma Pessanha. As "CU1'aS Milagrosas" e a idealização da ordem social. Niterói: UFF, 1984

RABELO, Mirian Cristina M. Religião, Ritual e Cura. In: ALVES, Paulo César; MINAYO, Maria Cecília COrg.). Saúde eDoença: um olhar antropológico. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1994. p. 47-56.

RABELO, Mirian C. M; MOITA, Sueli Ribeiro; NUNES, Juliana Rocha. Comparando experiências de aflição e tratamento no candomblé, pentecostalismo e espiritismo. Religião e Sociedade, Rio de Janeiro, v. 22, n. 1, p. 93-121, 2002.

QUEIROZ, Marcos de Souza. Política, religião e cura religiosa numa situação de mudança social. Revista Ciência e Cultura, Campinas, v. 37, n. 4, p. 541-553, 1985

RUSSO, Jane A. Terapeutas corporais no Rio de Janeiro: relação entre trajetória social e ideário terapêutico. In: ALVES, Paulo César; MINAYO, Maria Cecília COrg.). Saúde e Doença: um olhar antropológico. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1994. p. 167-174.

VALLA, Victor V. Educação e saúde: discutindo as formas alternativas de lidar com a saúde. In: MARSIGLIA, R. M.; GOMES, M. H. COrg.) . O clássico e o novo: tendências,objetos eabordagens em ciências sociais esaúde. Rio de Janeiro, Fiocruz, 2003. p. 363-378.

VELHO, Gilbelto. Projeto e metamorfose: antropologia das sociedades complexas. Rio de Janeiro: Zahar, 1994.

WEBER, M. Economia e Sociedade. Brasília: UnB, 1991. v. 1.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2006v11n2p99

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International