O feminismo, o capitalismo e a astúcia da história

Nancy Fraser

Resumo


Feminismo e neoliberalismo compartilham uma afinidade secreta? Neste artigo, a autora examina a cooptação das políticas de gênero pelo “novo espírito” do capitalismo pós-fordista, bem como analisa a subordinação da sua crítica radical a uma agenda neoliberal, que instrumentalizou as bandeiras da segunda onda do feminismo. É possível que um cenário pós-neoliberal ofereça perspectivas de mudança para a renovação do feminismo socialista?

 

 


Palavras-chave


Feminismo; Gênero; Capitalismo; Neoliberalismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVAREZ, Sônia. Advocating feminism: the Latin American Feminist NGO “Boom”. International Feminist Journal of Politics, Santa Cruz, vol. 1, n. 2, 1999.

BARTON, Carol. Global women’s movements at a crossroads. Socialism and Democracy, Nova Iorque, vol. 18, n. 1, 2004.

BOLTANSKI, Luc & CHIAPELLO, Ève. The new spirit of capitalism. Londres, Nova Iorque: Verso, 2005 [O novo espírito do capitalismo. São Paulo: Martins Fontes, 2009].

BUTLER, Judith. Continget Fundations. In: BENHABIB, Seyla et alii. Feminist contentios: a philosophical exchange. Londres: Routledge, 1994. [Fundamentos Contingentes: o feminismo e a questão do “pós-modernismo”. Cadernos Pagu, Campinas, n. 11, 1998].

EISENSTEIN, Hester.A dangerous liaison? Feminism and corporate globalization. Science and Society, Nova Iorque, vol. 69, n. 3, 2005.

FRASER, Nancy. Reframming justice in a globalization world. New Left Review, Londres, n. 36, nov.-dez. 2005.

_______From Redistribution to recognition? Dilemmas of justice in a

“post-socialist” age. New Left Review, Londres, n. I/212, jul.-ago. 1995. [Da redistribuição ao reconhecimento? Dilemas na justiça na era pós-socialista. In: SOUZA, Jessé (org.). Democracia hoje: novos desafios para a teoria democrática contemporânea. Brasília: Editora da UnB, 2001].

KECK, Margaret & SIKKINK, Kathryn. Activists beyond borders: advocacy

networks in International Politics. Ithaca, Nova Iorque: Cornell University, 1998.

OKIN, Susan. Justice, gender and the family. Nova Iorque: Basic Books, 1989.

POLLOCK, Friedrich. State Capitalism: its possibilities and limitations. In: ARATO, Andrew & GEBHARDT, Eike (eds.). The essential Frankfurt School reader. Nova Iorque: Countinuum, 1982, p. 71–94.

NARAYAN, Uma. Informal sector work, microcredit and third world women’s “empowerment”: a critical perspective’. Paper apresentado no XXII World Congress of Philosophy of Law and Social Philosophy, Granada, maio, 2005.

POLANYI, Karl. The great transformation: the political and economic origins of our time. Boston: Beacon, 2001. [A grande transformação: as origens da nossa época. Rio de Janeiro: Campus, 1980.]




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2009v14n2p11

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International