O Sítio do Picapau Amarelo e a sua divisão social do trabalho

Elisângela da Silva Santos

Resumo


O presente artigo tem como objetivo traçar as relações trabalhistas, sociais e raciais existentes na obra de Monteiro Lobato destinada ao público infantil, intitulada O Sítio do Picapau Amarelo. Partindo da perspectiva de que podemos encontrar no texto elementos do pensamento social brasileiro dos anos 20 e 30 do século XX, momento de composição e divulgação da obra.


Palavras-chave


Literatura infantil; Brasil; Trabalho e sociedade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2007v12n1p249

Direitos autorais

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

ISSN: 1414-0543

EISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br


Creative Commons License

 

Todos os artigos científicos publicados em mediacoes@uel.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons