Limites da “democracia procedimental” na América Latina

Eliel Machado

Resumo


Este artigo está dividido em duas partes: na primeira, apresentamos sumariamente as principais discussões em torno da “democracia procedimental” a partir do resgate “teórico” schumpeteriano sugerido por Samuel Huntington (1994), que, a nosso ver, “molda” as “democracias realmente existentes” no subcontinente latino-americano. Na segunda parte, elaboramos uma crítica teórica aos ideólogos da “democracia procedimental”, tendo por base algumas contribuições marxistas que, embora concordem com a “descrição” apresentada pelos “elitistas”, criticam o que eles ocultam: o caráter de classe subjacente das democracias capitalistas.


Palavras-chave


América Latina; Democracia procedimental; Democracias burguesas.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDERSON, Perry.. Balanço do neoliberalismo. In: SADER, Emir; GENTILLI,

Pablo. (orgs.). Pós-neoliberalismo: as políticas sociais e o Estado. São Paulo: Paz e Terra, 1995.

BOBBIO, Norberto. Liberalismo e democracia. São Paulo: Brasiliense, 1988.

BORON, Atilio. Estado, capitalismo e democracia na América Latina. São

Paulo: Paz e Terra, 1994.

COUTINHO, Carlos Nelson. A democracia como valor universal: notas sobre a questão democrática no Brasil. São Paulo: Livraria Editora Ciências Humanas, 1980.

DAHL, Robert. Poliarquia: participação e oposição. São Paulo: Edusp, 1997.

_____. Um prefácio à teoria democrática. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1989.

FINLEY, Moses. Democracia antiga e moderna. Rio de Janeiro: Graal, 1988.

GÓMEZ LEYTON, Juan Carlos. Política y ciudadania en una sociedad neoliberal avanzada, Chile 1990-2007. Cuadernos del CENDES, Año 25, nº 67. Santiago de Chile enero-abril, 2008.

HAYEK, Friedrich August von. O caminho da servidão. Rio de Janeiro: Instituto Liberal, 1984.

HELD, David. Modelos de democracia. Belo Horizonte: Paidéia, 1987.

HUNTINGTON, Samuel. A terceira onda: a democratização no final do século XX. São Paulo: Ática, 1994.

_____. The United States. In: CROZIER, Michel; HUNTINGTON, Samuel Phillips; WATANUKI, Joji. The crisis of democracy: report on the governability of democracies to the Trilateral Commission. New York: New York University Press, 1975.

LÊNIN, Vladimir Ilich. O Estado e a revolução: a doutrina do marxismo sobre o Estado e as tarefas do proletariado na revolução. In: Obras escolhidas. Vol. 3. Moscou: Edições Progresso; Lisboa: Edições “Avante!”, 1985.

MACPHERSON, Crawford Brough. A democracia liberal: origens e evolução. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978.

McLELLAN, David. A ideología. Lisboa: Editorial Estampa, 1987.

NUN, José. Democracia: ¿Gobierno del pueblo o gobierno de los políticos? Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica, 2001.

PETRAS, James. Clase, Estado y poder en el Tercer Mundo: casos de conflictos de clases en América Latina. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica de Argentina, 1993.

_____. Globaloney: el lenguaje imperial, los intelectuales y la izquierda. Buenos Aires: Antídoto, 2000.

POULANTZAS, Nicos. O Estado, o poder, o socialismo. Rio de Janeiro: Graal, 1990.

_____. Poder político e classes sociais. São Paulo: Martins Fontes, 1977. RIAL, Osvaldo H. La dictadura econômica. Buenos Aires: Galerna, 2001.

SAES, Décio. Cidadania e capitalismo (uma abordagem teórica). Revista de Estudos Avançados, nº 8. São Paulo, abril, 2000.

_____. Democracia. São Paulo: Ática, 1987.

_____. Estado e democracia: ensaios teóricos. Campinas: IFCH, 1994.

SCHUMPETER, Joseph. Capitalismo, socialismo e democracia. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1961.

STIGLITZ, Joseph E. A globalização e seus malefícios. São Paulo: Siciliano/Ed. Futura, 2002.

TORRES, Carlos Bea. Oaxaca, una rebelión plebeya. Observatorio Social de América Latina. Buenos Aires, Año VII, nº 21, septiembre-diciembre, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2008v13n1/2p260

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International