Vigilância, controle e tecnologia: um estudo sobre o setor supermercadista em São Paulo

Leonardo José Ostronoff

Resumo


Através de uma observação direta de três grandes redes de supermercados brasileiros, este artigo discute como novas tecnologias são usadas no controle dos trabalhadores. Desde o começo do capitalismo industrial, tecnologias são usadas para produzir comportamentos que gerem maior produtividade, impondo uma disciplina de trabalho. Com a passagem para sociedade de controle, a videovigilância se espalhou pelos mais diferentes espaços do cotidiano. Nos supermercados, desenvolveu-se nos últimos anos um sistema para diminuir riscos: a prevenção de perdas. Este artigo discute justamente esse sistema como um dispositivo de controle do trabalho, analisando suas técnicas de vigilância como uma forma de controle dos trabalhadores

Palavras-chave


Vigilância; Controle; Tecnologia; Trabalho.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVAREZ, Marcos César. Controle social: notas em torno de uma noção polêmica. Perspectiva, São Paulo, v. 18, n. 1, p. 168-176, jan./mar. 2004.

BRUNO, Fernanda. Contramanual para câmeras inteligentes: vigilância, tecnologia e percepção. Galáxia, São Paulo, n. 24, p. 47-63, dez. 2012.

CARDOSO, Bruno. Câmeras Legislativas: videovigilância e leis no Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 28, n. 81, fev. 2013.

DELEUZE, Gilles. Post-scriptum sobre as sociedades de controle. In: ______. Conversações: 1972-1990. Tradução de Peter Pál Pelbart. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1992. p. 219-226.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade I: a vontade de saber. Tradução de Maria Thereza da Costa Albuquerque e J. A. Guilhon Albuquerque. Rio de Janeiro: Graal, 1998.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Tradução de Raquel Ramalhete. Petrópolis: Vozes, 2014.

GARLAND, David. La cultura del control: crimen y orden social en la sociedade contemporânea. Traducción de Máximo Sozzo. Barcelona: Gedisa Editorial, 2005.

OSTRONOFF, Leonardo José. Menos Metas, Mais Saúde: um estudo sobre o sindicato dos bancários de São Paulo. 2015. Tese (Doutorado em Sociologia) - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

THOMPSON, Edward Palmer. Costumes em comum. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2018v23n1p127

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International