As representações da violência nos episódios estudantis de 1968

Maria Ribeiro do Valle

Resumo


O presente artigo trata dos principais acontecimentos que envolvem o Movimento Estudantil durante o ano de 1968 no Brasil, criando uma rede que reúne seus interlocutores – o governo, a imprensa, a população – em um “diálogo” conturbado. Ele se divide em quatro momentos fundamentais: a morte de Edson Luís (28/03/68) como o marco para a passagem do movimento estudantil ao enfrentamento; a sexta-feira sangrenta (em 21/06/68) e a passeata dos cem mil (em 26/06/68); a guerra da Maria Antônia (em 02/10/68); e o 30º Congresso da UNE, que tem início em 11/10/68. O fio condutor para a análise destes episódios são as diversas representações da violência que aí emergem.


Palavras-chave


Movimento Estudantil; Ditadura Militar – 1968; Violência. Imprensa.

Texto completo:

PDF

Referências


CARDOSO, Irene de Arruda Ribeiro. Os acontecimentos de 1968. Notas para uma interpretação. In: LOSCHIAVO DOS SANTOS, Maria Cecília (org.). Maria Antônia uma rua na Contramão. São Paulo: Nobel, 1988.

CASTELLO BRANCO, Carlos. Os Militares no Poder, vol. II - O Ato 5, Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1978.

COELHO, Cláudio Novaes Pinto. A Transformação Social em Questão: as práticas sociais alternativas durante o regime militar. Tese. (Doutorado em Sociologia) – Departamento de Sociologia, Universidade de São Paulo: São Paulo, 1990.

LOSCHIAVO DOS SANTOS, Maria Cecília (org.). Maria Antônia uma rua na

Contramão. São Paulo: Nobel, 1988.

MARTINS FILHO, João Roberto. Movimento Estudantil e Ditadura Militar: 1964- 1968. Campinas: Papirus, 1987.

______. O Palácio e a Casern:A dinâmica Militar das Crises Políticas na Ditadura (1964-1969). São Carlos: Editora da UFSCar, 1995.

RIDENTI, Marcelo. O Fantasma da Revolução Brasileira. São Paulo: Editora UNESP/ FAPESP, 1993.

SIRKIS, Alfredo. Os Carbonários: memórias da guerrilha perdida. São Paul: Global editora, 1980.

VALLE, Maria Ribeiro do. 1968 – O Diálogo é a Violência: movimento estudantil e ditadura militar no Brasil. Campinas: Editora da Unicamp, 1999.

VAN DER WEID, Jean Marc. “O movimento estudantil e a luta popular. 30o Congresso da UNE, 1968, mimeo.

VENTURA, Zuenir. 1968 – O Ano Que Não Terminou: a aventura de uma geração. Rio de Janeiro: Círculo do Livro, 1988.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2008v13n1/2p34

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International