Maio-junho de 1968 na França: o epicentro de uma crise de hegemonia (parte II)

Alain Bihr

Resumo


Neste artigo, o autor reexamina a história de um ciclo de lutas sociais, políticas e culturais como epicentro da crise de hegemonia. Na base das principais radicalizações políticas estudantis, operárias e dos novos movimentos sociais do maio-junho de 1968, ainda estão as lutas de classes, com tudo o que têm de indeterminado a priori, na medida em que resultam da evolução das correlações de forças cujos protagonistas não podem dominar ou prever. Se, em tal história, tudo não é possível, também nada é escrito com antecedência. Conseqüentemente, não era necessário que esta história terminasse como (provisoriamente) se concluiu. Na França, como em outros lugares, a História continua.

 


Palavras-chave


Hegemonia; Lutas proletárias; Classes sociais.

Texto completo:

PDF

Referências


BIHR, Alain. Entre bourgeoisie et prolétariat: l’encadrement capitaliste. Paris: L’Harmattan, 1989.

_____. Du ‘Grand Soir’ à l’alternative. Paris: Ed. Ouvrières/Editions de l’Atelier, 1991. [Tradução no Brasil: Da Grande Noite à alternativa. São Paulo: Boitempo Editorial, 1998].

GAURON, André. Histoire économique et sociale de la Ve République. Paris: La Découverte, tome 1, Le Temps des Modernistes, 1983.

GRAMSCI, Antonio.Cahiers de prison, n°6 [1930-1933]. Paris: Gallimard, 1983. [Tradução no Brasil: Cadernos do cárcere. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2000-2002, 6 vols].

LA BOÉTIE, Etienne de. Discours de la servitude volontaire ou le Contr’un

. Paris: Flammarion, 1993.

PORTELLI, Hugues. Gramsci et le bloc historique. Paris: PUF, 1972. [Tradução no Brasil: Gramsci e o bloco histórico. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977].

POULANTZAS, Nicos. Pouvoir politique et classes sociales. Paris: Maspero, 1971, tomo 2. [Tradução no Brasil: Poder político e classes sociais. São Paulo: Martins Fontes, 1986].




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2008v13n1/2p9

Direitos autorais 2020 Mediações - Revista de Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International