Estado, uso do território e processo de democratização na América Latina

Edilson Luis de Oliveira

Resumo


Este artigo pretende discutir os parâmetros que permitam analisar as relações entre estado e democracia na América Latina, a partir da dinâmica territorial. Pretende verificar a forma como as crescentes desigualdades sociais, a fragmentação e extroversão do território na América Latina colocam em risco a consolidação democrática na região. 


Palavras-chave


Democracia; América Latina.

Texto completo:

PDF

Referências


AINSA, Fernando. Un desafío impostergable: utopizar la democracia. Cuadernos Americanos, México, v. 1, n. 103, p. 11-33, jan./fev. 2004.

CANO, Wilson. Soberania e política econômica na América Latina. São Paulo: Ed. UNESP, 2000.

DAGNINO, Evelina. Sociedade Civil e Espaços Públicos no Brasil. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

KATUTA, Angela M. A(s) Cidadania(s), os movimentos sociais e as espaço-temporalidades. In: COSTA, Lucia Cortes; SOUZA, Maria Antonia. (Org.). Sociedade e Cidadania: desafios para o século XXI. Ponta Grossa: Ed UEPG, 2005. p. 127-129.)

MATHIAS, Gilberto; SALAMA, Pierre. O estado superdesenvolvido: das Metrópoles ao Terceiro Mundo. São Paulo: Brasiliense, 1983.

NICOLAS-HIERNAUX, Daniel. Globalização e exclusão no México: um enfoque sócio geográfico, In SILVEIRA, Maria Laura (Org.). Continente em chamas: globalização e território na América Latina. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2005.

SANTOS, Maria Helena de Castro. Que democracia? Uma visão conceitual desde a perspectiva dos países em desenvolvimento. Dados- Revista de Ciências Sociais, Rio de Janeiro, v. 44, n. 4, p 729-771. 2001.

SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria Laura. Brasil: território e sociedade no início do século XXI. Rio de Janeiro: Record, 2001.

SILVEIRA, Maria Laura. Argentina: do desencantamento da modernidade à força dos lugares. In: SILVEIRA, Maria Laura (Org.) Continente em chamas: globalização e território na América Latina. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2005.

VERDUGO M., M. Manual de derecho e instituciones políticas. Santiago do Chile: Jurídica, 1998. v.2.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2005v10n2p131

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

         

 

                       

 

 

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

E-ISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br  

Mediações utiliza a licença Creative Commons Attribution 4.0 International