Redes (Des)Conexas de Intervenção Local na Violência Infanto-Juvenil

João Sebastião, Joana Campos, Sara Merlini, Mafalda Chambino

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar os resultados de uma análise diagnóstica da atuação institucional relativamente às situações de violência infanto-juvenil em três territórios de um conselho da periferia de Lisboa (Portugal). Tendo como pano de fundo as políticas subjacentes à intervenção das instituições nesta problemática, aprofundamos alguns padrões relacionais emergentes numa rede de (meso)atores, na procura de obstáculos e potencialidades de articulação e colaboração. O produto deste trabalho inscreve-se num projeto de escala mais ampla , cujo enfoque é avaliar a contribuição das políticas de segurança escolar na inclusão e igualdade educativa e social em contextos escolares marcados pela diversidade e complexidade social e cultural.


Palavras-chave


Violência infanto-juvenil; Redes locais de intervenção; Análise de Redes Sociais; Políticas Públicas; Micropolíticas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2013v18n1p183

Direitos autorais

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

ISSN: 1414-0543

EISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br