Eles não estão mais Pra Nad": sexualidade e processos de envelhecimento na dinâmica do Programa Saúde da Família

Márcia Andrea Rodrigues Andrade, Mónica Franch

Resumo


Este trabalho propõe uma reflexão sobre a sexualidade no processo de envelhecimento contemporâneo, a partir de um campo de observação específico: uma unidade de saúde da família no município de Bayeux (Paraíba). O foco na sexualidade responde a uma maior atenção pública sobre esse fenômeno, que hoje é alvo do interesse de setores específicos do mercado, mas também objeto de preocupação pública face ao crescimento do HIV/Aids nesse segmento. Observando o cotidiano do posto, percebemos que o Programa Saúde da Família não incorpora a sexualidade idosa que, no entanto, irrompe cotidianamente em forma de diversas e inesperadas demandas. Apesar de o programa ser um importante vetor de divulgação da ideologia da “terceira idade”, nesse aspecto específico os profissionais acionam imagens e representações que remetem às ideias de decadência e passividade.


Palavras-chave


Envelhecimento; Programa Saúde da Família; Sexualidade; Gênero.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2176-6665.2012v17n2p41

Direitos autorais

Mediações - Revista de Ciências Sociais

Londrina - PR

ISSN: 1414-0543

EISSN: 2176-6665

Email: mediacoes@uel.br


Creative Commons License

 

Todos os artigos científicos publicados em mediacoes@uel.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons