O paradigma pós-moderno do negócio jurídico e a necessidade de uma nova concepção na contemporaneidade

Ana Claudia Corrêa Zuin Mattos do Amaral, Nida Saleh Hatoum, Marcos Massashi Horita

Resumo


A objetivo desta pesquisa consiste na demonstração de que se faz necessária a superação dos paradigmas clássico e moderno do negócio jurídico na contemporaneidade, sobretudo em razão da infinidade de novas situações jurídicas apresentadas pelo mundo atual, notadamente no campo da tecnologia e da biomedicina, de modo que o direito não tem conseguido mais abarcar a real definição de negócio jurídico, que, por sua vez, não mais possui conotação apenas patrimonial. O método empregado será o dedutivo.

Palavras-chave


Negócio jurídico; Superação de paradigmas; Situação jurídica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2178-8189.2017v21n2p261

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Scientia Iuris

ISSN (eletrônico) 2178-8189

 

E-mail: revistamdireito@uel.br



 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.