A ideologia da neutralidade: uma abordagem sobre o juspositivismo normativista e seus limites frente à democracia social

João Luiz Martins Esteves, Luiz Henrique Urquhart Cademartori

Resumo


O presente trabalho aborda se objeto a partir da existência da crítica que se faz ao positivismo jurídico normativista quanto à sua falta de compromissos relativos aos valores decorrentes das atuais democracias social-liberais, e também da própria postura de indiferença apresentada pela Teoria Pura do Direito quanto ao conteúdo ideológico dos sistemas jurídico-legais. Isto tudo se realiza a partir de uma postura de pretensa neutralidade do Positivismo Jurídico. Considerado isto, o presente trabalho investiga qual é o compromisso ideológico do juspositivismo normativista e sua possibilidade de dar uma resposta adequada às críticas que lhe são feitas.


Palavras-chave


Direito, Ideologia, Neutralidade, Positivismo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2178-8189.2013v17n2p193



Scientia Iuris

ISSN (eletrônico) 2178-8189

 

E-mail: revistamdireito@uel.br



 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.