Metodologias para revisão e atualização de tesauros: mapeamento da literatura

Ana Carolina Ferreira, Benildes Coura Moreira dos Santos Maculan

Resumo


Introdução: Os tesauros continuam desempenhando importante função na padronização terminológica para facilitar a comunicação da informação. Haja vista essa reconhecida importância, tais instrumentos não são revisados e atualizados segundo fundamentos metodológicos claros. Objetivo: Tendo em vista esse problema, objetivou-se diagnosticar, por meio do mapeamento da literatura, as principais metodologias empregadas para a revisão e a atualização de tesauros como subsídio ao desenvolvimento de estruturas conceituais mais consistentes. Metodologia: Para a realização desse mapeamento, utilizou-se o protocolo de revisão sistemática proposto por Marques (2015). As buscas foram realizadas nas principais bases de dados da área de Ciência da Informação no contexto nacional e internacional. Resultados: Os resultados indicam distintos enfoques empregados na revisão e na atualização de tesauros, a exemplo de procedimentos para a modelagem conceitual intelectual, estudo de logs de pesquisa dos usuários, a adoção de folsksonomias e o emprego de tecnologias da web semântica. A partir dos relatos identificados, observou-se que a revisão e a atualização de tesauros envolvem três aspectos básicos: 1) aspectos terminológicos e conceituais gerais; 2) aspectos gerenciais e 3) estudos empíricos com o emprego de diferentes técnicas de atualização. Considerações finais: Ainda que se identifique uma multiplicidade de enfoques e técnicas para a atualização de tesauros, é preciso considerar a avaliação do contexto de uso, as necessidades de informação dos usuários e os propósitos da revisão para que os procedimentos adotados possam ser efetivos.


Palavras-chave


Tesauro; Revisão; Atualização; Metodologia

Texto completo:

PDF

Referências


BAÑOS-MORENO, M-J.; PASTOR-SÁNCHEZ, J-A.; MARTÍNEZ-BÉJAR, R. Propuesta de actualización de macro-tesauros a partir de noticias de divulgación científico-tecnológica. In: CONGRESSO ISKO ESPANHA E PORTUGAL, 1., 2013; CONGRESSO ISKO ESPANÃ, 11, Portugal. Atas [...]. Porto: Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 2013. p. 99-112. Disponível em: http://eprints.rclis.org/20684/. Acesso em: 20 nov. 2018.

BATTY, D. Thesaurus: construction and maintenance: a survival kit. Database, v. 12, n. 1, p. 13-20, fev. 1989.

BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. DeCS: Descritores em Ciências da Saúde. São Paulo: BIREME / OPAS / OMS, 2017. Disponível em: http://decs.bvsalud.org. Acesso em 14 de nov. 2018.

BRASIL. Projeto do tesauro da RVBI. Brasília: Senado Federal, 2004. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/70375/rvbi_projeto_vcb.pdf?sequence=1. Acesso em: 18 set. 2018.

BRASIL. VCE: Vocabulário de Controle Externo do Tribunal de Contas da União. Brasília: Tribunal de Contas da União, 2018. Disponível em: https://portal.tcu.gov.br/vocabulario-de-controle-externo/. Acesso em: 16 nov. 2018.

CARACCIOLO, C.; MORSHED, A.; STELLATO, A.; JOHANNSEN, G.; JAQUES, Y.; KEIZER, J. Thesaurus maintenance, alignment and publication as linked data: the Agrovoc use case. In: METADATA AND SEMANTICS RESEARCH CONFERENCE, 6., 2012, Cádiz, Spain, Anais [...]. Cádiz, Spain: Springer, 2012. Disponível em: http://eprints.rclis.org/17734/. Acesso: 5 mar. 2019.

CARIBÉ, R. de C. do V.; OLIVEIRA, E. S. de. Avaliação do Tesauro do Tribunal de Contas do Distrito Federal a partir dos usuários. Rev. Digit. Bibliotecon. Cienc. Inf., Campinas, v. 13, n.1, p. 103-119, jan./abr. 2015. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/1583. Acesso em: 14 nov. 2018.

CIROT, C.; PREUSS, C. Réingénierie de thesaurus: une étude de cas. Documentaliste-Sciences de l'Information, Paris, v. 46, n. 3, p. 4-13, 2009. Disponível em: https://www.cairn.info/revue-documentaliste-sciences-de-linformation-2009-3-page-4.htm. Acesso em: 22 nov. 2018.

COMO fazer revisão sistemática. Produção LARP MAE/USP. São Paulo: LARP MAE/USP, 2015. Vídeo de YouTube (2h04min). Palestrante Fátima de Loudes dos Santos Nunes. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=Wgaw97mTKWM. Acesso em: 6 dez. 2018.

DOUYÈRE, M.; SOUALMIA, L. F.; NÉVÉOL, A.; ROGOZAN, A.; DAHAMNA, B.; LEROY, J-P.; THIRION, B.; DARMONI, S. J. Enhancing the MeSH thesaurus to retrieve French online health resources in a quality-controlled gateway. Health Information and Libraries Journal, v. 21, n. 4, p. 253–261, 2004.

BIREME. GUIA de atualização do DeCS. São Paulo: BIREME / OPAS / OMS, 2007. 30p. Disponível em: http://red.bvsalud.org/decs/wpcontent/uploads/sites/4/2016/11/DeCS-GuiaAtualizacao.pdf. Acesso em 14 de nov. 2018.

INSTITUTO BRASILEIRO DE INFORMAÇÃO EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Diretrizes para elaboração de tesauros monolíngues. Brasília: IBICT, 1984.

INTERNATIONAL STANDARD ORGANIZATION. ISO 25964-1:2011: thesauri and interoperability with other vocabularies. Part 1: thesauri for information retrieval. Geneve: International Standard Organization, 2011.

KIM, C. Theoretical foundations of thesaurus construction and some methodological considerations for thesaurus updating. Journal of the American Society for Information Science, v. 24, n. 2, p. 148-156, mar./abr. 1973.

KIM, C.; KIM, S. D. Consensus vs frequency: an empirical investigation of theories for identifying descriptors in designing retrieval thesauri. Information Processing Management, London, v. 13, n. 4, p. 253-258, 1977.

LAIPELT, R. do C. F. Metodologia para seleção de termos equivalentes e descritores de tesauros: um estudo no âmbito do Direito do Trabalho e do Direito Previdenciário. 2015. 213 f. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada) – Escola da Indústria Criativa: Comunicação, Design e Linguagens, Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), São Leopoldo, 2015.

LAUSER, B.; SINI, M.; LIANG, A.; KEIZER, J.; KATZ, S. From AGROVOC to the Agricultural Ontology Service: Concept Server an OWL model for creating ontologies in the agricultural domain. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON DUBLIN CORE AND METADATA APPLICATIONS, 2006, Colima, Mexico. Proceedings… México: DCMI, 2006.

LIMA, V. M. A.; KOBASHI, N. Y.; SANTOS, C. A. C. M. dos; AMARAL, M. C.; TOKAREVICZ, S.; TORRE, S. R. S. D.; GUERRA, S. R. Y.; BOCCATO, V. R. C.; BARCELLOS, J. C. H. Estudos para implantação de ferramenta de apoio à gestão de linguagens documentárias: vocabulário controlado da USP. Transinformação, Campinhas, v. 18, n. 1, p. 17-25, jan./abr. 2006.

MACULAN, B. C. M. S. Estudo e aplicação de metodologia para reengenharia de tesauro: remodelagem do THESAGRO. 2015. 339f. Tese (doutorado em Ciência da Informação) - Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Ciência da Informação. Disponível em: http://hdl.handle.net/1843/BUBD-9ZKMUV. Acesso em: 23 maio 2018.

MACULAN, C. M. S.; LIMA, G. Â. B. O. Buscando uma definição para o conceito de conceito. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 22, n. 2, p. 54-87, abr./jun. 2017.

MOCHÓN BEZARES, G.; MÉNDEZ RODRÍGUEZ, E.; SORLI ROJO, A. Etiquetado social y blog-scraping como alternativa para la actualización de vocabularios controlados: aplicación práctica a un tesauro de Biblioteconomía y Documentación. Información, cultura y sociedade, La Rioja [España], n. 37, p. 13-26, dez. 2017. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=6560341. Acesso em: 13 out. 2018.

NARUKAWA, C. M.; PALÁCIO, F. G. L.; MORAES, M. I. de; SILVA, F. M. da; SILVA, M. dos R. da; SAMPAIO, E. A.; MATOS, R. L. de. Metodologia de trabalho para atualização do Vocabulário Controlado da Universidade de São Paulo (USP) da área jurídica. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS, 17., 2012, Gramado (RS). Anais [...]. Gramado: UFRGS, 2012. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/281118219_Metodologia_de_trabalho _para_atualizacao_do_vocabulario_controlado_da_Universidade_de_Sao_Paulo_USP_da_area_juridica. Acesso em: 19 nov. 2018.

NATIONAL INFORMATION STANDARDS ORGANIZATION. Guidelines for the construction, format, and management of monolingual controlled vocabularies: ANSI/NISO Z39.19-2005 (R2010). Baltimore, Maryland, U.S.A., 2010.

RIBAS, R. R. de B.; PARRA, L. S. A construção e atualização da linguagem Unesp. In: FUJITA, M. S. L. (Org.). Política de indexação para bibliotecas: elaboração, avaliação e implantação. Marília: Oficina Universitária; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2016. p. 67-87.

SIMÕES, M. da G. Da abstração à complexidade formal: relações conceptuais num tesauro. Coimbra: Almedina, 2008.

SOERGEL, D.; LAUSER, B.; LIANG, A.; FISSEHA, F.; KEIZER, J.; KATZ, S. Reengineering thesauri for new applications: the AGROVOC example. Journal of Digital Information, v. 4, n. 4, 2004. Disponível em: https://journals.tdl.org/jodi/index.php/jodi/article/view/112. Acesso em: 15 ago. 2018.

SOERGEL, D. Indexing languages and thesauri: construction and maintenance. Los Angeles, CA: Wiley, 1974.

SOUZA, S. T. de. Modelagem de domínios em Sistemas de Organização do Conhecimento (SOC): uma investigação em tesauros e ontologias para a informação legislativa. 2017. 326 f. Tese (doutorado em Ciência da Informação) – Escola de Ciência da Informação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017. Disponível em: http://hdl.handle.net/1843/ECIP-ANJHH3. Acesso em: 24 maio 2018.

SU, Y.; ANDREWS, J.; HUANG, H.; WANG, Y.; KONG, L.; CANNON, P.; XU, P. Reengineering of MeSH thesauri for term selection to optimize literature retrieval and knowledge reconstruction in support of stem cell research. BMC Medical Informatics and Decision Making, v. 16, n. 54, p. 1-10, 2016. Disponível em: https://bmcmedinformdecismak.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12911-016-0298-z. Acesso em: 14 nov. 2018.

VÁLLEZ, M.; PEDRAZA-JIMENEZ, R.; CODINA, L.; BLANCO, S.; ROVIRA, C. Updating controlled vocabularies by analysing query logs. Online Information Review, v. 39, n. 7, p. 870-884, 2015.

VOCABULÁRIO Controlado Básico (VCB) na Rede Virtual de Bibliotecas – Congresso Nacional – RVBI. Brasília: Senado Federal, 16 abril 2009. 45 slides. Palestra na 2ª Reunião Ordinária do Comitê Gestor do LeXML. Palestrante Stelina Maria Pinha e Maria Fátima Jaegger. Disponível em: http://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/158959/VCB%20LexML%202009.pdf?sequence=4. Acesso em: 18 set. 2018.

WU, Y. Enriching a thesaurus as a better question-answering tool and information retrieval aid. Journal of Information Science, v. 44, n. 4, p. 512-525, 2018.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2020v25n1p229

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional