Abordagens e contribuições históricas da Grã-Bretanha para a Ciência da Informação: um olhar a partir do Classification Research Group

Sarah Miglioli, Déborah Araujo

Resumo


Introdução: As perspectivas utópicas refletidas na Literatura durante o fim do século XIX e início do século XX são ambiente fértil para o surgimento da relevância história da Grã-Bretanha para a área da Classificação. Traça um panorama histórico da Ciência da Informação na Grã-Bretanha, descrevendo a relevância e o pioneirismo do Classification Research Group e seus membros. Objetivos: Tem como objetivo abordar o despertar científico sob a influência de utopias literárias, que culminaram no desenvolvimento de métodos de classificação para organização do conhecimento.  Metodologia: A metodologia da pesquisa descritiva inclui levantamento documental e revisão de literatura acerca da temática. Resultados: Identificou-se a influência histórica do período das utopias na perspectiva de trabalho na Ciência da Informação dos pesquisadores do Classification Research Group. Conclusão: Conclui com o reconhecimento do papel da Grã-Bretanha e do pioneirismo do Classification Research Group, essencialmente pelo trabalho precursor da análise de facetas para a recuperação de informação, estabelecido como fundamental para a construção de todo um espectro de ferramentas de busca de informação até hoje.


Palavras-chave


Ciência da Informação. Organização do Conhecimento. Classificação. História.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2019v24n3p365

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional