Gestão da Informação na convergência entre ambientes compartilhados e coworking: o que a literatura evidencia

Paulo Isnard, Ana Maria Pereira Cardoso, Eric Ferreira

Resumo


Introdução:

O crescente uso de ambientes compartilhados de trabalho na contemporaneidade tem se tornado objeto de análise no meio acadêmico, com destaque para o espaço de Coworking, por meio de pesquisas que buscam averiguar as causas e as consequências destas práticas.

Objetivo:

Identificar pela literatura pesquisas sobre as relações entre Coworking e Ambiente Compartilhado dada a importância que cada temática tem separadamente no cenário de constantes mudanças organizacionais e comportamentais, destacando em seguida aspectos da gestão de conhecimento.

Metodologia:

Essa identificação foi realizada por meio de uma análise quantitativa das publicações contidas na base de dados SCOPUS incluída no portal de periódicos da CAPES. A verificação foi feita por meio dos descritores presentes no texto dos artigos, acrescida de uma análise temporal e da identificação dos principais autores e periódicos que se dedicaram aos temas para alcançar um índice de impacto relevante.

Resultados:

Foi encontrado o número considerável de 12.020 pesquisas científicas que apresentaram de maneira separada os temas Coworking e Ambiente Compartilhado.

Conclusão:

O resultado do estudo aponta a existência de uma lacuna na integração dos temas, e permite uma harmonização de conceitos.


Palavras-chave


Compartilhamento de Conhecimento. Ambiente Compartilhado. Coworking. Gestão da Informação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2019v24n3p387

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional