As políticas de informação digital adotadas nas escolas públicas no Nordeste

Eunice Jesus Santos, Ana Paula Oliveira Villalobos

Resumo


Introdução: As experiências na educação com a tecnologia digital em sala de aula são verificadas em diferentes regiões brasileiras, viabilizadas através dos diversos dispositivos digitais, seja o celular, tablet ou notebook.  Objetivos: Analisar as políticas de informação digital adotadas nas escolas públicas de ensino médio das capitais, localizadas na região Nordeste, no tocante a adoção dos dispositivos móveis para acesso a informação. Metodologia: Trata-se de pesquisa descritiva, com uma abordagem que se caracteriza enquanto qualitativa e quantitativa. Os procedimentos adotados se referem ao estudo de casos múltiplos e as técnicas basearam-se em questionários com professores das nove unidades federativas da região Nordeste. Resultados: O tablet é uma das tecnologias móveis menos utilizadas pelos professores. O celular e o notebook são ferramentas de trabalho mais utilizadas pelos professores nas aulas, não encontrando nenhuma dificuldade no uso e os resultados obtidos com essas tecnologias móveis em sala de aula, agregam valor na aquisição do conhecimento com relação às aulas sem o auxílio dessas tecnologias. Conclusão: Foram identificados exemplos de políticas de informação digital nas escolas em Fortaleza (CE) e em João Pessoa (PB) que podem servir como base na criação de uma política de informação digital em outros estados. 


Palavras-chave


Tecnologia da Informação. Dispositivo móvel. Política de Informação digital. Uso do celular, tablet e notebook. Educação no Nordeste brasileiro.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2017v22n2p356

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional