Análise de citações presentes em teses e dissertações em educação indígena

Alexandre Masson Maroldi, Luis Fernando Maia Lima, Maria Cristina Piumbato Innocentini Hayashi

Resumo


Introdução: A educação indígena no Brasil tem o seu marco fundador nas primeiras ações catequéticas dos jesuítas na segunda metade do século XVI. Nessa longa trajetória até os dias atuais a educação dos povos indígenas que habitam o território brasileiro tem sido alvo de controvérsias e discussões nos níveis governamental e acadêmico, o que tem gerado inúmeros estudos. Objetivo: Analisar quais são os livros, os artigos, os periódicos e as áreas de conhecimento mais citados pelos autores que produziram trabalhos acadêmicos sobre a temática da educação indígena. Metodologia: Foram analisados indicadores bibliométricos de análise de citações presentes nas teses e dissertações sobre educação indígena na Biblioteca Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD). Os resultados apontam que as teses e dissertações em educação indígena majoritariamente são constituídas por uma literatura interdisciplinar. Conclusões: As duas Áreas categorizadas tem comportamentos distintos em relação as suas preferências de citações com relação a escolha dos autores, artigos e periódicos científicos.


Palavras-chave


Análise de citações. Bibliometria. Educação Indígena

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2018v23n3p177

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional